Implante Dentário

Tudo o que você precisa saber sobre Implante Dentário

Um guia com as principais dúvidas que recebemos dos nossos pacientes na OdontoCompany Pindamonhangaba

Implante dentário OdontoCompany Pindamonhangaba

O que são implantes dentários?

A cirurgia de implante dentário é um procedimento odontológico que visa substituir as raízes dos dentes por pinos de metal (titânio), permitindo a substituição de dentes danificados ou ausentes por dentes artificiais que são muito parecidos com dentes naturais. Os implantes dentários são uma excelente alternativa a dentaduras ou pontes, muitas vezes sendo a opção mais indicada, especialmente quando a falta de raízes naturais dos dentes não permite a utilização de dentaduras ou pontes.

A forma como a cirurgia de implante dentário é realizada depende de alguns fatores, como o tipo de implante e a condição do osso maxilar, por exemplo, podendo envolver vários procedimentos. O tempo de tratamento varia de acordo com cada caso e paciente, sendo em média de 4 a 6 meses.

O titânio é o metal utilizado nos pinos, pois tem características ideais para substituir as raízes dos dentes. Ele se fixa no osso de forma permanente, é biocompatível com o organismo humano (isso elimina riscos de rejeição), não é corrosivo e, portanto, não enferruja, mesmo em contato com umidade (como o ambiente da boca).

Dessa forma, já podemos identificar que um dos benefícios de maior destaque dos implantes dentários é a capacidade de fornecer um suporte sólido para novos dentes, permitindo reabilitar a saúde bucal de forma segura e duradoura.

Implantes dentários normalmente têm três partes:

  1. O implante: Um pino cilíndrico de titânio (semelhante ao formato de um parafuso) que serve como raiz para novos dentes. Após a cirurgia e o processo de osseointegração, ele fica fixo de forma permanente no osso maxilar (inferior) ou na mandíbula (superior).
  2. O pilar (ou componente protético): É um intermediário que fica entre o pino e o dente protético. É fixado de forma permanente, mas podendo ser removido pelo seu dentista.
  3. A coroa (ou dente protético): É o dente artificial, feito de resina ou porcelana. É a parte visível, o mais próxima possível de um dente natural, garantindo uma ótima aparência e durabilidade.

Estrutura de um implante dentário, tratamento realizado na OdontoCompany Pindamonhangaba

Quais são as indicações para implante dentário?

O implante é indicado para o paciente que perdeu um, vários ou até mesmo todos os dentes. Existem diversos motivos para a perda de dentes, como infecções e doenças periodontais, falta de cuidados com a saúde bucal, cáries profundas sem tratamento, e até mesmo acidentes.

Em qualquer um desses casos, a solução para a falta de um ou mais dentes pode ser o implante. Cabe ao dentista implantodontista, que é o profissional especializado, fazer toda a análise da estrutura óssea do paciente, através de radiografias e tomografias, e identificar o melhor tipo de implante de acordo com o caso.

Quais são as vantagens dos implantes dentários?

Já vimos algumas, mas existem muitas outras vantagens para implantes dentários, entre elas:

  • Melhora da saúde bucal: ao corrigir a falta de um ou mais dentes, já temos uma melhora imediata da saúde e até mesmo da higiene bucal. Os implantes dentários também não interferem nos dentes naturais, que ficam intactos.
  • Durabilidade: os implantes têm grande durabilidade. Com cuidados e prevenções adequadas, pode durar tanto quanto um dente natural. Muitos implantes duram por toda a vida.
  • Mais conforto: os implantes eliminam o desconforto das dentaduras removíveis. Ficam tão naturais, que se tornam parte da sua boca, dando a sensação de que sempre estiveram ali.
  • Melhora da fala: com todos os seus dentes, sem buracos e espaços vazios na boca, além da confiança de poder falar sem o risco de um dente escorregando, a melhora da comunicação e da pronúncia das palavras é mais um benefício dos implantes.
  • Mais conveniência: por serem fixos, os implantes eliminam a necessidade e até mesmo o constrangimento de remover dentaduras, por exemplo. Além de facilitar muito a higiene oral. Sem falar que elimina a preocupação com adesivos e fixadores.
  • Melhora a alimentação: os implantes proporcionam a segurança e a confiança necessárias para uma boa mastigação. Você pode comer seus alimentos preferidos sem preocupação e sem dor. Uma boa mastigação facilita até mesmo a digestão.
  • Melhora a estética: implantes dentários parecem bem naturais, dando a sensação de serem seus próprios dentes. Um sorriso completo melhora a aparência e é mais um motivo para sorrir com confiança e naturalidade.
  • Melhora a autoestima: implantes dentários ajudam na recuperação da autoestima e da autoconfiança ao devolver um sorriso completo.

Quais são os tipos de implantes dentários?

Existem vários tipos de implantes, portanto, é necessário avaliar qual é o mais adequado de acordo com a necessidade de cada paciente. É o dentista que vai analisar cada caso e identificar o tipo mais recomendado. Alguns dos principais tipos são:

Conheça os tipos de implantes dentário e suas indicações

Implante unitário

Quando o objetivo é substituir um único dente faltando, um implante unitário é uma ótima solução. O dentista insere o pino de titânio, que após a fase de osseointegração, receberá o pilar e a coroa de porcelana.

Implante duplo

Quando o paciente perde três dentes que estão lado a lado (dentes vizinhos), o implante duplo é uma opção. São colocados dois implantes para a fixação dos três dentes, sendo uma alternativa mais em conta para preencher a falta de três dentes.

Implante com prótese protocolo

O paciente que tem grande parte dos dentes perdidos pode se beneficiar desse tipo de implante. Para fixar uma prótese única, são instalados de 4 a 8 implantes, necessários para fornecer o suporte biomecânico necessário. A quantidade exata será determinada de caso a caso.

O paciente pode escovar seus dentes normalmente, sem precisar retirar a prótese, que é fixa. O dentista consegue removê-la para manutenções periódicas. Uma vantagem do protocolo é que a prótese não possui o “céu da boca”, o que devolve ao paciente a sensação de estabilidade e segurança.

Implante com prótese overdenture

É uma excelente alternativa para quem não se adapta ao uso de dentaduras ou sofre com a má retenção da prótese. Uma solução mais econômica, que utiliza de 2 a 6 implantes para o encaixe de uma prótese total. É como se fosse uma dentadura fixa, mas que pode ser removida pelo próprio paciente, facilitando a higienização.

Implantes zigomáticos

Pacientes com atrofia maxilar severa podem se beneficiar dos implantes zigomáticos. Com o avanço da odontologia e suas técnicas, bem como a evolução dos materiais biocompatíveis, a reabilitação de casos complexos se torna mais e mais possível a cada dia.

Como os implantes dentários são fixados?

Existem algumas etapas para o sucesso do tratamento e cirurgia de implante dentário. Algumas delas podem ser:

  • Avaliação profissional.
  • Exames de imagem (radiografia e tomografia). Em alguns casos, exames laboratoriais.
  • Remoção do(s) dente(s) danificado(s).
  • Preparação da mandíbula (enxerto), se for necessário.
  • Colocação do implante dentário.
  • Fase de osseointegração (cura e fixação do pino).
  • Colocação do pilar (componente protético).
  • Colocação do dente artificial.

Quanto custam os implantes dentários?

A determinação do valor dos implantes dentários está relacionada com cada caso. O preço varia de acordo com as particularidades individuais de cada paciente, bem como o número de implantes necessários. Um outro fator a ser considerado é o grau de complexidade.

Agende já a sua avaliação!

Menu